Sesap e Ministério da Saúde discutem enfrentamento da dengue no RN

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) receberá uma equipe do Ministério da Saúde, entre os dias 10 e 14 de fevereiro, com o objetivo de realizar uma oficina de elaboração do Plano de Contingência da Dengue no RN. O Plano vai sistematizar as ações e procedimentos para enfrentamento da dengue no Estado.

A oficina discutirá as medidas a serem adotadas nas cinco áreas focalizadas no plano: controle vetorial; vigilância epidemiológica; gestão; atenção ao paciente e comunicação e mobilização. Para tanto, diversos setores da Sesap estarão envolvidos, além da Secretaria de Saúde de Natal.

Na ocasião, serão discutidas estratégias para organizar as ações de prevenção e controle da dengue; promover assistência adequada ao paciente, garantindo acesso, diagnóstico e manejo clínico adequado; aprimorar a vigilância epidemiológica, com ênfase na notificação, investigação dos casos e monitoramento dos sorotipos virais para orientar a tomada de decisões; garantir os insumos estratégicos necessários (inseticidas e kits diagnósticos); reduzir a força de transmissão da doença, por meio do controle do mosquito Aedes aegypti e de seus criadouros; intensificar as atividades de mobilização e comunicação; fortalecer a articulação das diferentes áreas e serviços, visando à integralidade das ações para enfrentamento da dengue.

O público-alvo do Plano serão os pacientes com suspeita de dengue que apresentarem sinais de alarme e de choque. Os primeiros dizem respeito a dores abdominais intensas e contínuas, vômitos persistentes, sangramentos de mucosas, hiportemia, queda abrupta de plaquetas, entre outros. Já como sinais de choque destacam-se a hipotensão arterial, choque, pulso rápido e fino.

Anúncios

Curso de Negociação Coletiva e Gestão do Trabalho na Saúde será realizado em fevereiro

O Ministério da Saúde através da Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde realizará, em fevereiro, em Natal, o Curso de Negociação Coletiva e Gestão do Trabalho na Saúde, voltado para gestores e representantes dos trabalhadores na saúde, ressaltando a importância do curso para a democratização das relações do trabalho, consequentemente para o fortalecimento e empoderamento do campo da gestão do trabalho e de suas instituições.

A informação foi dada pelo apoiador da Mesa Nacional de Negociação Permanente do SUS (MNNP-SUS), Jorge Luiz de Castro.  Ele adianta que o curso contará com um total de 16 alunos, entre gestores e trabalhadores para a Mesa Municipal de Natal e 12 alunos, entre gestores e trabalhadores, para Mesa Estadual do RN, totalizando 28 alunos, com as inscrições sendo concluídas na próxima sexta-feira, dia 31.

“As vagas disponibilizadas são de imediato para atender aos titulares e suplentes das Mesas Estadual do RN e Municipal de Natal”, disse Jorge Castro. Os e-mails para inscrição são: inscricao.cursonatal@dieese.org.br, com cópia para jorgecastrorn@hotmail.com

O curso, que acontecerá em Natal de 10 a 14 de fevereiro, com carga horária de oito horas diárias, é promovido pelo Ministério da Saúde em parceria com a Organização Panamericana da Saúde (Opas) e Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), com o treinamento sendo realizado em todos os estados. O curso será certificado pelo Dieese.

O curso tem no seu programa temas como Políticas de Saúde no Brasil, Políticas Públicas e Participação Social, Princípios e Diretrizes do SUS, Processos decisórios do SUS e Controle Social, Processo de Negociação e Conceito de Negociação Coletiva, Processo de Negociação no Setor Público, Convenção 151 da OIT, Conceito de Rede de Negociadores do SUS, Financiamento do SUS, Lei de Responsabilidade Fiscal, Negociação Coletiva como Instrumento de Gestão Pública, os Protocolos da MNNP-SUS e uma simulação de negociação coletiva.

O Sistema Único de Saúde (SUS) conta hoje com aproximadamente quatro milhões de trabalhadores sendo cerca de dois milhões no serviço direto à população. Com a expansão do número de mesas de negociação, o Ministério da Saúde acredita ser possível estruturar as áreas de gestão de trabalho do SUS, como também avançar na instalação de planos de carreira e na promoção da saúde dos trabalhadores.

O Ministério da Saúde quer expandir o número de mesas de negociação do Sistema Único de Saúde (SUS) das atuais 62 para pelo menos 200 daqui a cinco anos. Em Minas Gerais, existem atualmente seis mesas em andamento, sendo uma do Governo do estado e as demais de municípios. A informação é da diretora de Gestão e Regulação do Trabalho e Saúde do Ministério, Ana Paula Cerca.

A Mesa Nacional de Negociação do Sistema conta com apenas dez anos de existência, tempo idêntico ao de criação da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde, mesmo com o SUS comemorando 25 anos de vida.  “É uma área nova que tem apoio técnico e recursos financeiros para que o tema gestão do trabalho passe a ser prioritário na agenda”, disse a diretora Ana Paula. Ela ressaltou que o Ministério quer consolidar a negociação como metodologia de gestão na saúde.

Ligações do Telefone 06565

Boato – Lista de números com prefixo 06565 tem ligado para telefones no Brasil para roubar créditos e fazer ligações satânicas.

Desde o meio do mês de dezembro de 2013, uma mensagem tem circulado em redes sociais. De acordo com o texto, diversos telefones com o prefixo 06565 estariam realizando ligações em horas inoportunas. A maioria das ligações seriam para números de Belém e do Piauí. Leia o texto:

Atenção o número 065 6520656787 e vários outros números quase idênticos tem ligado para vários números da localidade Belém-PA, para quase todo PIAUÍ e várias localidades do Brasil… Cuidado, quando ele ligar não atenda pois ele vai pedir pra você fazer alguma coisa com uma voz produzida por computador… O que tem amedrontado diversas pessoas… Pois bem veja a seguir as recomendações… 1 – não atenda 2 – tome cuidado 3 – Não retorne a ligação, pois acaba todo os seus créditos. Ninguém sabe o motivo da brincadeira… Nossa função tbm é avisar!! REPASSEM!

Após esse anúncio e essa “onda de ligações”, diversas outras versões do boato começaram a circular na internet. Até brincadeiras começaram a surgir em relação ao número. Uma delas aponta que, se você atender ao telefone, fará um pacto com o diabo. Outra diz que é uma quadrilha especializada em clonar telefones.

Veja alguns dos números citados:

0656520650799 – 0656520656466 – 0656520656523 – 0656520656797 – 0656520650423 – 0656520650967 – 0656520650165 – 0656520656787

Mas até que ponto a história é fato ou boato? Começamos a nossa pesquisa procurando saber qual é a origem deste número. Chegamos à conclusão de que o “065” da operadora é referente à empresa Telecom 65 e que o DDD 65 pertence à região de Cuiabá.   

Entramos em contato com a Telecom 65 e a empresa apontou que não tem relação alguma com os números citados. “Não comentamos este tipo de boato, que, com certeza, não têm fundamento ou, se quer, podem ser provadas tais gravações. Não passam de comentários maldosos que circulam na internet”, apontou a empresa.

A Telecom 65 também afirmou que tem recebido muitas dúvidas no site oficial a respeito do assunto: “Já houve alguns casos de pessoas que acessaram este chat para perguntar se determinado número é ou não da Telecom 65”.

Também descobrimos que o prefixo 06565 já foi usado em programas de TV como o saudoso (só que não) Enigma da Esfinge. Para quem não sabe, é um daqueles programa que fazem adivinhações na TV e pede para você ligar. Só que antes de participar do programa, você gasta muito dinheiro na ligação telefônica.

Para completar as investigações, ligamos para o tal número (ou um deles). Realmente, uma gravação atendeu as ligações. “Por favor, não desligue o telefone. Coloque agora a data do seu nascimento”. Depois de ouvir isso, desligamos o telefone. Para ligar para esse número e falar por menos de 10 segundos, foram gastos cerca de R$ 2,00.

Ao contrário do que foi relatado na web, não foi uma voz satânica que atendeu a ligação. Foi uma gravação feminina no estilo “locutora do Google”. E, com certeza, ela vai te convidar a participar de um jogo enquanto gasta créditos de telefone.

As informações estão difusas ainda, mas conseguimos chegar a algumas conclusões a respeito dos números:

1 – Não se trata de ligações satânicas (se é que alguém ainda acreditava nisso).

2 – O número de telefone tem origem em Cuiabá. Caso você retorne a ligação, vai usar os serviços de longa distância da Telecom 65.

3 – O número já foi usado em programas de TV (muitos suspeitos, por sinal) como o Enigma da Esfinge.

4 – Se você ligar para o número, vão pedir alguns dados pessoais e seus créditos serão gastos. Afinal, você está fazendo uma ligação.

5 – Se você atender ao telefone, seus créditos não serão roubados. Mas se você ligar, serão gastos.

6 – É improvável que o seu número de telefone seja clonado. Nesta outra postagem, você pode ver que não há como clonar um número com uma ligação.  

7 – Realmente não vale a pena atender a ligações como essa. Alguns aparelhos telefônicos têm a função de bloquear números. Se as ligações forem insistentes, você pode fazer isso.

8 – Há possibilidade de denunciar os números para a Anatel por meio deste link.

Em suma, realmente estão usando alguns números com este prefixo para fazer ligações. Mas não é o diabo que está ligando para você. Provavelmente, o toque que você recebe destes número deve fazer parte de uma campanha de marketing para você realmente ligar de volta e gastar dinheiro. Vale lembrar que esta prática é ilegal e pode ser denunciada.

Realmente não vale a pena atender tais ligações e, muito menos, ligar de volta (como fizemos). Este boato deve estar fazendo algumas pessoas lucrarem. Ou você duvida disso?

 

Fonte: Boato.org

O Presente é um Presente

download (2)

Aí vão alguns trechos da palestra de Brian Dyson, ex-presidente mundial da Coca-Cola, que aconteceu numa conferência dessas famosas universidades americanas, onde ele falou sobre a relação entre o trabalho e outros compromissos da vida. Vale à pena!!

“Imaginem a vida como um jogo, no qual vocês fazem malabarismo com cinco

bolas que lançam ao ar.

Essas bolas são: o trabalho, a família, a saúde os amigos e o espírito. O trabalho é uma bola de borracha. Se cair, bate no chão e pula para cima. Mas as quatro outras são de vidro. Se caírem no chão, quebrarão e ficarão permanentemente danificadas.

Entendam isso e busquem o equilíbrio na vida. Como? Não diminuam seu próprio valor, comparando-se com outras pessoas. Somos todos diferentes. Cada um de nós é um ser especial. Não fixem seus objetivos com base no que os outros acham importante. Só vocês estão em condições de escolher o que é melhor para vocês próprios.

Dêem valor e respeitem as coisas mais queridas aos seus corações. Apeguem-se a elas como à própria vida. Sem elas a vida carece de sentido.

Não deixem que a vida escorra entre os dedos por viverem no passado ou no

futuro. Se viverem um dia de cada vez, viverão todos os dias de suas vidas.

Não desistam quando ainda são capazes de um esforço a mais. Nada termina até o momento em que se deixa tentar. Não temam admitir que não são perfeitos.

Não temam enfrentar riscos. É correndo riscos que aprendemos a ser valentes.

Não excluam o amor de suas vidas dizendo que não se pode encontrá-lo. A melhor forma de receber amor é dá-lo. A forma mais rápida de ficar sem amor é apegar-se demasiado a si próprio. A melhor forma de manter o amor é dar-lhe asas.

Não corram tanto pela vida a ponto de esquecerem onde estiveram e para onde vão.

Não tenham medo de aprender. O conhecimento é leve. É um tesouro que se carrega facilmente.

Não usem imprudentemente o tempo ou as palavras. Não se podem recuperar.

A vida não é uma corrida, mas sim uma viagem que deve ser desfrutada a cada passo.

Lembrem-se: Ontem é história. Amanhã é mistério e hoje é uma dádiva. Por isso se chama “presente”. Vivam o presente com muita energia!.”

O Pavão

images (1)

Vc já ouviu a estória do pavão e o dono das minhocas ?

Conta essa alegoria que um certo pavão estava cansado de procurar minhocas para comer e viu que um certo criador de minhoca da região tinha muitas delas e foi pedir a ele que lhe permitisse comer algumas minhocas. O criador de minhocas disse: – Claro, pode vir, basta que ao entrar em minha fazenda você deixe uma de suas penas, afinal o que é uma simples pena para quem tem tantas ? O pavão achou justo e deixou uma pena na entrada da propriedade, encheu o papo de minhocas e saiu satisfeito. No outro dia voltou e no outro, até que sem perceber deixou a última de suas penas com o criador de minhocas, observou, então, que estava horrível e, desprezado por todos no lugar, só lhe restou refugiar-se nas cavernas próximas, porém nelas havia morcegos vampiros, de modo que lá o lindo pavão encontrou seu fim.

As vezes buscamos as coisas “fáceis” da vida, os divertimentos fáceis e instantâneos, preferimos correr atrás da felicidade do momento porque uma noite de farra não é nada para quem tem a vida toda pela frente. Aliás, por que viver o “sacrifício” das renúncias do cristianismo ? Um copo de whisky ou um cigarro não faz diferença, apenas proporciona a satisfação daquele momento, não compromete nossas vidas. No entanto, quando. se percebe o que ficou comprometido pode ser tarde demais. Não podemos deixar que se chegue a esse ponto, o Senhor nos ama, é preciso buscá-lo enquanto ainda temos forças.