Agressor de pastora americana não responderá por crime

O morador de rua que agrediu a pastora americana Renee Murdoch, em novembro de 2012, não responderá por crime e será encaminhado ao Hospital Psiquiátrico Roberto Medeiros, no Complexo de Gericinó, em Bangu (RJ).

Para quem não se lembra, Renee Murdoch caminhava pela orla da Barra da Tijuca quando o morador de rua Alexandre Luiz de Oliveira Francesco se aproximou e deu vários golpes em sua cabeça usando um pedaço de madeira.

A americana, casada com o pastor Philip Murdoch (líder da Luz às Nações), teve traumatismo craniano e ficou internada na UTI em estado grave correndo risco de morte. Renee perdeu suas habilidades de fala e foi recuperando aos poucos, assim como os movimentos na perna precisando usar cadeira de rodas por muitos meses.

A decisão de não incriminar o agressor foi dada pelo juiz Jorge Luiz Le Cocq D’Oliveira, da 2ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, que considerou o morador de rua como inimputável já que ele é portador de esquizofrenia.

Com isso a prisão preventiva foi convertida para internação provisória até que o caso venha ser julgado em uma nova audiência marcada para acontecer no dia 27 de abril. Com informações Extra

Anúncios
Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s