RN participa de levantamento nacional de saúde bucal

O programa Saúde Bucal Brasil (SBBrasil) é uma política do governo federal que tem o objetivo de fazer um levantamento epidemiológico da saúde bucal dos brasileiros. No Rio Grande do Norte, foram selecionados somente três municípios. Sabendo disso, a Secretaria de Saúde Pública do Estado (Sesap) criou o Saúde Bucal RN (SBRN) para dar cobertura a todos os municípios do estado. Com base no resultado, poderá se ter uma visão real da situação e melhorar o atendimento à população.

O Ministério da Saúde está executando o estudo em Parnamirim, Alto do Rodrigues e Natal. Nas demais cidades potiguares, o trabalho está sendo feito pela Sesap em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Dentro das atividades, a secretaria trabalha na coordenação e execução da SBRN. Os profissionais – cirurgiões dentistas e técnicos de saúde bucal – estão sendo capacitados para atuar em suas regiões.

As equipes médicas são divididas por município e a visita é feita na casa das pessoas, dessa forma, são coletadas informações em cada bairro da cidade. No encontro não são feitos tratamentos dentários, ele funciona somente para colher dados. As informações terão a função de garantir um melhor serviço ao cidadão e de dar um direcionamento racional à verba pública.

Cícero Gadê, técnico do Grupo Auxiliar de Saúde Bucal da Sesap, explica que é importante que a população deixe os dentistas fazerem os exames. “As pessoas precisam abrir a porta para a equipe médica”, diz ao esclarecer que essa é a melhor forma de saber o que é necessário para melhorar o serviço.

Anúncios

Colaboração da população é fundamental no combate à dengue

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) divulgou nesta terça-feira (27) o boletim atualizado sobre a situação da dengue no Rio Grande do Norte. Houve um acréscimo de 9,04% em relação ao mesmo período do ano passado, o que representa um total de 3.449 casos notificados em todo o estado até o último dia 17 de julho.

Somente na Grande Natal foram notificados 2.310 casos, sendo os municípios de Natal e Parnamirim considerados com taxa de incidência média. Em todo o RN, 10 municípios apresentam taxa de incidência alta: Jardim do Seridó (142 casos), Parelhas (86), Campo Redondo (63), Florânia (55), Marcelino Vieira (49), Tibau do Sul (49), Ouro Branco (46), Lajes Pintada (45), Paraná (12) e Francisco Dantas (9).

De acordo com Kristiane Fialho, coordenadora do programa estadual de controle da dengue, a Sesap recebeu do Ministério da Saúde, nesta segunda-feira, o inseticida para ser utilizado nos carros-fumacê. A previsão é de que já na primeira semana do mês de agosto a ação com os carros tenha início na zona Oeste e bairro do Alecrim em Natal, que vem apresentando muitos casos da doença. No restante do estado a Sesap continua com o trabalho de supervisão, enviando equipes de controle vetorial para acompanhar as ações nos municípios.

Kristiane Fialho lembra que o mais importante é que a população colabore com as medidas preventivas, evitando o acúmulo de água parada e lixo, limpando calhas e caixas d’água e recebendo bem os agentes de saúde.